Problemas que os brasileiros enfrentam com planos de saúde.

Vamos falar sobre os problemas que muitos brasileiros enfrentam com os planos de assistência médica privada em busca de atendimento médico de qualidade mais de 50 milhões de pessoas pagam planos de saúde em todo Brasil investimento que pesa no bolso mas que muitas vezes em vez de solucionar acaba sendo a origem de vários problemas só no ano passado a agência nacional de saúde suplementar, registrou mais de 94 mil reclamações de beneficiários de planos de saúde, entre as mais frequentes estão os descredenciamentos de hospitais, e prestadores de serviços,  recusas de coberturas e reajustes abusivos das mensalidades. Especialistas recomendam que antes de contratar um plano o consumidor verifique se há queixas contra a empresa no site da ANS. em órgãos de defesa do consumidor.

E a Advogada Renata Vilhena Silva é especialista em direito a saúde, boa tarde, obrigado por ter aceito meu convite! Nós temos aqui uma lista de várias reclamações, uma delas é:

Problemas que os brasileiros enfrentam com planos de saúde

Problemas que os brasileiros enfrentam com planos de saúde

Cobertura

Com relação a prazos de carências, ou seja, a pessoa acha que tem direito a uma cobertura e o plano de saúde diz que não, como é que se resolve isso?

Boa tarde, com relação às carências a regra é bem simples para urgência e emergência a carência é de 24 horas para exames mais complexos internações são 6 meses de espera e para os casos de doenças preexistentes são de dois anos o único problema é que muitas vezes na urgência e emergência quando o cliente ainda está em carência ele demanda de um tratamento um pouco mais demorado. E a ANS garante só o atendimento pelo plano de saúde nas duas primeiras horas de internação, então, isso acaba gerando um pouco de confusão porque não existe um limite temporal para cessar um estado de urgência e emergência médica, aí os clientes geralmente têm problemas.

Ao completar 59 anos

Meu marido completou 59 anos e o plano de saúde dobrou o valor isso é legal Por que eu cancelei o plano e agora outros planos não aceitam pessoas de 60 anos o que fazer ?

Isso é um absurdo o que acontece é o seguinte em 2004, entrou em vigor o estatuto do idoso que proíbe o reajuste por faixa etária para quem tem 60 anos ou mais, aí o que que os planos de saúde passaram a fazer? Aplicar o reajuste aos 59 anos, a justiça já tem entendido que é uma forma também burlar aplicação do estatuto do idoso e tem decidido de forma a cancelar esse reajuste também aos 59 anos então não adianta nada,  é proibido com 60 Então você dobra a mensalidade ao 59? Então este tipo de questão tem sido discutida com êxito na justiça.

Sobre hemodiálise

Tem pessoas também reclamam do tratamento de hemodiálise, porque tem muito plano que nega a cobertura

A hemodiálise tem cobertura obrigatória, os planos antigos antes da lei dos planos de saúde que entrou em vigor, em 99 alguns planos antigos excluem a hemodiálise, todos os planos novos tem a obrigação de garantir este tipo de tratamento, se o paciente tiver algum problema pode entrar na justiça para reclamar.

Mas o que as pessoas dizem nesse caso sim mas, em ambiente de internação e quando a pessoa em regime ambulatorial pede não tem.

E porque tem alguns planos de saúde do consumidor contrata só a internação hospitalar, ele não contrata o tratamento ambulatorial, então ele só tem direito a internação, aí nesse caso é uma exclusão fora do contrato ele pode fazer um upgrade, contratar também o atendimento ambulatorial só que aí ele pagar a mais, por isso que é bom ler o contrato, ler as letrinhas nem que sejam as pequenas.

Dos reembolsos

Agora sobre reembolso de despesas médicas, em valores chamados irrisórios Ou seja a pessoa Apaga De repente 510 repente tem um reembolso de 40 de 50 que não paga o valor integral da consulta o que se tem que fazer nesse caso?

Então essa é uma questão que vem sido bastante discutida também na justiça muitos consumidores reclamam deste tipo de atitude agora as seguradoras como é que elas fazem esse cálculo de reembolso elas criam uma unidade de valor própria então uma US uma UR, uma moeda própria da seguradora uma “US” equivale a 1 real por exemplo, então eu vou me submeter a um parto uma cesária a de acordo com o meu contrato com a minha tabela de reembolso essa cesária tem um reembolso de 1 “US” então, 10 reais, o único problema é que essa unidade de valor ou seja, de reembolso não é atualizado ano a ano como é a mensalidade, então para mensalidade, você aplica um reajuste de 15, 20 por cento, nos reajustes nos planos empresariais e para essa unidade de valor, para essa moeda própria das seguradores às vezes ficam 2 3 5 anos sem ter uma atualização da moeda e sempre esse reembolso fica defasado.

Problemas que os brasileiros enfrentam com planos de saúde